Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Sobre chocolates e seus estranhos poderes

Era um dia desses em que o universo resolve te dar um agrado. Tinha acabado de sair do banco e vi a placa de uma chocolateria. Entrei. "Me vê um café e um chocolate desse aí de coração, por favor". A moça trouxe. O dente correu macio o primeiro naco de chocolate. Dentro da boca aquele frenesi das papilas gustativas. “Ave Maria!!Ave Maria, o que é isso?? Milagre, milaaagre!” Levantei e fui até a balconista.
- O que é isso que eu comi?? (Silêncio)
- Como??
- O que tinha dentro desse chocolate?
- É gianduia.
Como eu não sabia o que era gianduia e a moça já me achava maluca o suficiente, passei a supor aqui comigo. Gianduia. 1)árvore indiana. Dizem que se o sumo de suas folhas for misturado a chocolate, este terá o estranho poder de ser um doce emagrecedor. 2)espécie de orgasmo industrializado vendido sob a forma de chocolate. 3) Tudo que é feito com amor. Refere-se à lenda do casal indiano Gian e Duia. 4) vasilha grande onde se guardam os temperos do mundo.
Aí um dia me disseram que gianduia era uma mistura de chocolate e avelã. E eu:
-Avelã?? Aquela noz?
-É!
Isso sim que é mágica!

9 comentários:

Fabiana Gomes disse...

Que delícia de texto!!! Só fiquei triste porque acabei descobrindo o que é gianduia... Pensei em tanta coisa....rs... Bjussss

Kirsten disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Emle disse...

Mais do que o poder do supra-mega-hiper-salve-salve chocolate, tem o power da nossa ilusão do toque de exclusividade... da diferença... daquilo que não se conhece mas que se espera sempre: o prazer real que não tem nome... chamam até de chocolate!

Luciana disse...

A ignorância pode ser uma benção!
Mas ler textos sobre amenidades cotidianas de vocês três também é uma benção.
Queria aproveitar esse post para começar uma campanha: indústria das guloseimas, inventem logo o doce emagrecedor! E lancem a Coca -300, porque a Coca Zero já não está mais dando conta!
Mil beijoquinhas.

Lígia disse...

Ô, amiga, ler seus textos é o mesmo que te ver na frente, falando!
Que maravilha saber que posso matar a saudade de você por aqui.
Que venham as bananas!
E as laranjas.

Kali disse...

Delícia! Que bom te ver!

Eneida disse...

Pulistreca!!!
Esse texto é a sua cara!!!
É o mesmo q vc!!!
Quase me matei de rir!!!
Bjossss

Léo Barbosa disse...

è meu sorvete da parmalat preferido, SÕdades menina, nunca mais te vi no Extra

Revisora do p... disse...

Às vezes o mais simples é o melhor, não?